ESTADO DO ACRE FOI LIBERADO PARA REUNIÕES FINAIS DE COMERCIALIZAÇÃO DO SISTEMA INER

FINALMENTE ESTAMOS PRONTOS E AGUARDANDO A DATA DA REUNIÃO

Após ver cumprida todas as formalidades que se fazem necessárias pela equipe de representantes da ACDB – Assessores Coligados do Brasil – e representantes exclusivos do Sistema INER de Resíduos Sólidos, o presidente do Consórcio INER, Jomateleno dos Santos Teixeira, se colocou à disposição para reunião de fechamento das vendas e reuniões técnicas que se fizerem necessárias, visto que o departamento de economia deu como concluída a tão esperada Viabilidade Econômica.


É evidente que os investidores compradores que já tem as usinas apalavradas em seus nomes, deverão escolher o tipo de destinação final que pretendem dar ao CDR produzido, o que exigirá reuniões técnicas, porém são reuniões que já estamos preparados para fazer. Assim, poderão eles escolher a tecnologia que melhor se encaixar em seu poder aquisitivo.


Nossos agradecimentos ao apoio incondicional que estamos recebendo do Governador do Acre, Gladson de Lima Cameli, que além de sua gloriosa carreira política é engenheiro de formação e empresário de grande visão e, é claro, enxergou rapidamente a solução energética que estamos trazendo para o estado, além da empregabilidade e o final do severo regime de escravidão generalizada que vem sendo imposto aos catadores em pleno ano de 2019.



Afirma o Diretor Estadual de implantação do Projeto no Acre, Cleomilson Lima, que todas as reuniões realizadas com o Governador Gladson de Lima Cameli aconteceram em clima de perfeita harmonia e sintonia, tornando o Acre talvez o primeiro Estado do Brasil a ter o Sistema INER “Lixo Zero, Social 10” concluído em sua totalidade.


O sistema está tão alinhado que até mesmo os que receberão as usinas primárias já estão se alinhando no sentido de liberar, através de concessão, o uso de áreas de terra para implantação das usinas, o que torna o projeto ainda mais viável para os empresários.


O que já era favorável ficou ainda melhor quando passamos a contar com o apoio incondicional da Assembleia Legislativa do Estado do Acre. A mesma também enxergou rapidamente a grande abertura para o mercado formal de trabalho e o final das preocupações vividas hoje pelos prefeitos, que sem recursos financeiros e sem apoio do governo federal através de emendas parlamentares, não tem nem logística nem recursos financeiros para sanar o problema do lixo, e sendo assim, estão o tempo todo correndo risco de ter sua prisão decretada pelo Ministério Público.


O Sr. Cleomilson Lima teve o cuidado de se reunir com todos os membros do Executivo e do Legislativo, explicando pormerizadamente a verdadeira revolução social e empresarial que chegará no estado do Acre através da implantação do Sistema INER, que inclusive tem como primícia a solução definitiva para todos os prefeitos no que tange à solução para os catadores.


A aceitação do projeto foi unânime, o que animou ainda mais os empresários compradores que hoje se encontram totalmente convencidos do retorno do investimento que irão fazer. Estão unidos entre eles de forma associativa, minimizando assim o investimento para todos.


Em nenhum momento a implantação do Sistema INER irá afetar de forma negativa o sistema de coleta de lixo, que continuará a ser realizado pelas empresas que hoje já prestam este serviço. Ao invés disso, as usinas INER irão ceder gratuitamente para estas empresas o uso do pátio das usinas para estacionamento de caminhões, manutenções e lavagens.


A solução definitiva para os catadores dentro do Sistema INER de Resíduos Sólidos virá através da implantação das 2 Cooperativas de trabalho denominadas COOPERINERs (www.coopeiner.org.br), cooperativas estas que serão montadas após o trabalho realizado pelo SINDETAP-AC – Sindicato dos Decoradores e Tapeceiros do Acre –, hoje já em pleno funcionamento vide portal da internet. www.sindetap.org.br/ac


Esse portal vem sendo presidido pelo Senhor Pedro Diego Costa Amorim, e já tem adiantado o trabalho de cadastro de lojas do ramo de tapeçaria e tapeceiros, e está no aguardo das relações de catadores, a serem fornecidas pelas assistentes sociais das prefeituras que até já foram notificadas a entregar tais relações.


O curso “transformando lixo em luxo” está direcionado à transformação de catadores em restauradores de riquezas, possibilitando assim uma renda muito melhor e uma solução definitiva para os municípios no que tange aos resíduos sólidos moveleiros que hoje, pela nova lei, não podem ser enterrados nem queimados.


ELO SOCIAL ACRE REALIZA FORÇA TAREFA E NOTIFICA ÓRGÃOS ESTADUAIS


Em Rio Branco (AC), no dia 2 de janeiro de 2019, uma equipe composta por Diretores do Elo Social cumpriram com êxito a missão que consistia em notificar por meio de ofício o Senhor Governador Gladson Cameli e os seguintes órgãos: Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social (SEDS); Secretaria de Gestão Administrativa (SGA); Secretária de Estado e Meio Ambiente (SEMA); Assembleia Legislativa do Estado do Acre (ALEAC); Tribunal de Justiça e Procuradoria-Geral de Justiça do MP do Acre.


Essas notificações tem o propósito de comunicar que construiremos 8 prédios do Social do Cidadão, 1 prédio da Diretoria da Federação do Elo Social e 1 sistema de tratamento de resíduos sólidos com capacidade de resolver 100% da problemática do lixo, gerando ainda 132 empregos diretos pela CLT nos prédios sociais, além de outros empregos a serem gerados de forma direta e indireta pelo sistema INER, que será objeto de nossa apresentação pessoal.


Agradecemos aos seguintes diretores: Francisca das Chagas Oliveira, Layane Vieira Figueiredo, Raiff Pimentel Soares, Raimundo Nonato Cruz Pereira e Rodrigo Figueiredo Silva.


Esses uniram-se à Força Tarefa para entregar ofícios de notificações com o objetivo de apresentar o Programa "Lixo Zero, Social 10" e dar ciência sobre as atividades que no futuro próximo serão realizadas em nosso Estado.


SAIBA MAIS SOBRE AS SEDES DO PROJETO SOCIAL DO CIDADÃO

www.socialdocidadao.org.br


É evidente que toda a solução que estamos trazendo para o lixo, em especial para o Meio ambiente e os catadores, não poderíamos chamar de “Lixo Zero, Social 10” se não trouxéssemos também a solução para a reestruturação da família e da deflagração da cidadania, sendo exatamente isso que estamos fazendo, pois incluído no valor de venda de cada usina se encontra um prédio social, cujos diretores já estão empossados e sendo treinados a mais de um ano.


Saiba mais sobre o projeto como um todo entrando no portal de internet do Acre através do link a seguir:

www.elosocialac.org


Serão construídos em ponto estratégico 8 prédios sociais com capacidade de atender socialmente 200 famílias por dia e ministrar 720 cursos vivenciais por mês.


O mais importante é que todo sistema INER, Lixo Zero, Social 10” não vai custar nada aos cofres públicos, nem na implantação nem na manutenção, e substituirá de uma só vez todos os lixões existentes e ainda aqueles que “são chamados” de aterros sanitários, mas que na verdade também são lixões.


Veja projeto na integra através do link:

www.cooperiner.org.br/comprometimento-social



0 visualização

Telefone: +55 (11) 2528-7762 ​Endereço: Avenida Paulista nº

Sistema INER de Resíduos Sólidos.  Todos os Direitos Reservados​ © 2018

"O segredo e não ter segredo"